Login
Posso dar chá para meu bebê ou não?

14/10/2019

Posso dar chá para meu bebê ou não?

Será que faz mal oferecer chá para meu bebê?

Antes de mais nada devemos saber que o chá só pode ser incluído na alimentação dos bebês após o primeiro semestre de vida. É recomendado pelos pediatras que a criança seja alimentada nesse período apenas do leite materno, que é rico em benefícios para a saúde e desenvolvimento do bebê.

O efeito protetor anti-infeccioso do leite materno, contra diarreias e pneumonias, por exemplo, diminui quando a criança recebe qualquer outro alimento, incluindo água e chás.

Após esse período, o seu bebê pode consumir tanto chá quanto água, vale ressaltar que a introdução de açúcar, na bebida somente após 1 ano de vida. Além disso, o volume de leite materno ingerido pelo bebê também diminui quando há a introdução de outros líquidos, independente da quantidade de mamadas. 

Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) 20% das famílias brasileiras com crianças de colo, não segue a norma recomendada, ou seja, existem muitas crianças consumindo chá antes mesmo de completar os 6 meses mínimos. 

Após os 6 meses, os chás permitidos são: Erva -doce, camomila e erva –cidreira, que são as mais populares e podem ser oferecidas às crianças, em forma de infusão, sem contraindicações. 

Deve ser evitado chás pretos por conta do teor de cafeína, porque, além de causar irritabilidade e atrapalhar a qualidade do sono, os chás que contêm cafeína também dificultam a absorção de ferro e zinco, dois minerais essenciais para as crianças.

Ou seja, pode sim dar chá para os bebês, desde que ele já tenha completado 06 meses e seguindo as normas e regulamentações passadas pelo pediatra. Lembre-se, cada criança reage de uma maneira, então, o acompanhamento de um profissional nessa questão é de extrema importância. 

Voltar para o Blog